Veja também

Disfunções na linguagem são tratadas com fonoterapia

O fonoaudiólogo é o profissional da área da saúde que lida com os diferentes aspectos da comunicação humana.

Babá x Cuidadora: você sabe a diferença no atendimento home care?

Muitos pais acreditam que contratar um profissional especializado é uma opção mais flexível no cuidado com as crianças. Segundo especialistas, essa decisão também interfere menos na rotina e no psicológico dos pequenos do que inseri-los num ambiente novo, como a escolinha, principalmente quando falamos dos bebês que estão na primeiríssima infância.

Como a tecnologia pode ajudar os idosos

Você já parou para pensar nos benefícios da relação entre tecnologia e idosos? Os novos recursos chegaram para facilitar as relações sociais e a atualização com o mundo, fatores importantes para a autonomia e independência de pessoas que já atingiram a terceira idade.

À medida que os anos avançam, é muito comum que os idosos se sintam deslocados e até mesmo temerosos com as modernidades. Por isso, é fundamental que as pessoas ao seu redor incentivem a inserção tecnológica, para que eles fiquem mais informados, se sintam melhor e tenham mais qualidade de vida.

Sem falar que durante a pandemia de COVID-19, os recursos tecnológicos têm sido grandes aliados para nos mantermos conectados com parentes, amigos e colegas de trabalho. Abaixo, listamos alguns benefícios:

Interação com a família

Segurar os idosos em casa não é uma tarefa exatamente fácil durante a quarentena. Boa parte disso se deve à vontade constante de manter o contato com os filhos, netos e parentes mais distantes.

Com aplicativos intuitivos e simples de serem utilizados, os idosos podem facilmente trocar mensagens de texto ou áudio com os membros da família e ainda fazerem uma vídeo-chamada com qualquer outra pessoa. Essa é uma forma eficaz de manter o contato, ficar informado sobre as novidades e mandar a solidão para longe.

Entretenimento

Muitos idosos têm suas agendas cheias de atividades que ocupam boa parte do tempo, seja fisioterapia, aula de idiomas, ginástica e assim por diante. No entanto, durante a reclusão, essas não são opções viáveis. Por isso, é preciso buscar por alternativas online de entretenimento, o que não falta na internet.

Existem muitas opções, como: filmes, documentários e séries; e-books e áudio-books; jogos online de tabuleiro, cartas e lógica; cursos, workshops e palestras; shows e outros.

Redes sociais

As redes sociais costumam ser a porta de entrada da tecnologia para idosos. Não podemos deixar de mencionar o importante papel que elas desempenham nesse período. Além da possibilidade de manter um contato mais assíduo, mesmo durante o isolamento, com os membros da família, essas redes também ajudam a ampliar o leque, conhecer novas pessoas e desenvolver novos hobbies.

Independentemente do tipo de recurso utilizado, a tecnologia pode fazer uma diferença enorme no dia a dia dos idosos durante a pandemia. No entanto, também é muito importante que a família se envolva e se empenhe em ajudar seus pais e avós a aprenderem formas de utilizar a internet a seu favor.

Caso precise de ajuda, entre em contato com nossa equipe de atendimento e solicite uma proposta que atenda às suas necessidades.

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Campos obrigatórios são marcados*.







Este site usa cookies. Os cookies neste site são usados ​​para personalizar o conteúdo, fornecer recursos de mídia social e analisar o tráfego. Além disso, compartilhamos informações sobre o uso do site com nossos parceiros de mídia social, publicidade e análise da web, que podem combiná-las com outras informações que você forneceu a eles ou que eles coletaram do uso de seus serviços.
Concordo