Veja também

Um dia dedicado aos cuidados com a Saúde

Dia 5 de agosto comemora-se o Dia Nacional da Saúde. Esta data foi escolhida em homenagem ao médico sanitarista Oswaldo Cruz, que nasceu em 5 de agosto de 1872.

Dor nas articulações? Você pode sofrer com alguma doença reumatológica

No próximo dia 30 de outubro (terça-feira) o Ministério da Saúde realiza a campanha Nacional de Luta contra o Reumatismo. O objetivo é conscientizar as pessoas para o diagnóstico precoce e tratamento das doenças reumatológicas, que envolvem um conjunto de mais de 200 patologias.

Fogos de artifício: é preciso redobrar a atenção com crianças e idosos

As festas de final de ano estão chegando e, com elas, os excessos de barulhos causados pelos fogos de artifício. Além do mal-estar e da poluição sonora, é crescente o número de acidentes envolvendo fogos de artifício. De acordo com dados do Ministério da Saúde, mais de 7 mil pessoas sofreram lesões decorrentes do uso de rojões nos últimos anos.

Além disso, o barulho dos tradicionais shows pirotécnicos possui um potencial de dano auditivo que costuma ser subestimado, podendo causar zumbido, perfurar o tímpano e até gerar algum tipo de perda auditiva. O barulho de fogos de artifício é nocivo principalmente para as pessoas com o Transtorno do Espectro do Autismo, que podem ficar extremamente incomodadas.

Um estudo americano informa que a média de som medida a três metros de explosões de fogos de artifícios é de 150 decibéis, o que excede o critério de risco para audição. Ruídos acima de 85 decibéis são prejudiciais à saúde auditiva e quanto mais repetitivos ou altos eles forem pior será o dano na cóclea, órgão responsável pela audição sensorial.

Como se proteger

Para proteger a audição, o ideal é se manter o mais distante possível do local da queima dos fogos, evitando a exposição ao volume excessivo dos rojões. Se for inevitável, a melhor saída é utilizar protetores auditivos. Já para quem for soltar fogos, recomenda-se modelos com pouco barulho. Hoje em dia existem diversas opções de fogos de artifício no mercado com cores e efeitos de extrema beleza, sem causar os tradicionais estouros.

E não se esqueça: é preciso redobrar a atenção com crianças e idosos, pois nem sempre eles saberão informar o que estão sentindo após a exposição a um barulho intenso ou outros fatores. Só desta maneira todos poderão confraternizar com saúde e paz!

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Campos obrigatórios são marcados*.







Este site usa cookies. Os cookies neste site são usados ​​para personalizar o conteúdo, fornecer recursos de mídia social e analisar o tráfego. Além disso, compartilhamos informações sobre o uso do site com nossos parceiros de mídia social, publicidade e análise da web, que podem combiná-las com outras informações que você forneceu a eles ou que eles coletaram do uso de seus serviços.
Concordo